Autárquicas/Porto Novo: CNE garante que os preparativos estão a ser ultimados para o acto eleitoral deste domingo

Porto Novo, 24 Out (Inforpress) – A delegada da Comissão Nacional das Eleições (CNE) no Porto Novo, em Santo Antão, Aeila Martins, assegura que estão praticamente criadas as condições para que o acto eleitoral deste domingo, 25, decorra na normalidade, neste município.

Contactado pela Inforpress, Aeila Martins garantiu que, até esta sexta-feira, 23, “90 por cento (%) das condições” já estavam criadas para a realização das eleições e que a delegação da CNE e os seus colaboradores estão a trabalhar para que, até hoje, tudo esteja pronto para acto eleitoral.

Os 13.311 eleitores (número actualizado pela Comissão de Recenseamento Eleitoral), distribuídos pelas 62 mesas, vão escolher, este domingo, os novos órgãos autárquicos que vão gerir o município do Porto Novo, até 2024.

A delegada da CNE disse ainda ter já a garantia da Policia Nacional de que as condições de segurança estarão asseguradas para que todo o processo decorra na tranquilidade.

A presidente da Comissão de Recenseamento Eleitoral do Porto Novo, Maria da Graça Lima, informou, por seu lado, que, da parte desta comissão, “tudo está operacional”, tendo já disponibilizado à CNE todo o material eleitoral e kits de prevenção à covid-19 para o pessoal que vai estar envolvido na realização das eleições.

Segundo Maria da Graça, a delegação da CNE já tem na sua posse todo o material (urnas, boletins de voto e outros) e ainda kits anti-covid (álcool gelo, luvas, máscaras, toalhitas desinfectantes), assegurando que estão criadas, em termos de logística, todas as condições para a realização do acto eleitoral.

O comandante da Esquadra da Polícia Nacional no Porto Novo, Cipriano Bandeira, informou que vão ser disponibilizados 26 efectivos para garantir a segurança durante as eleições, número que ele considera “suficiente” dar o suporte ao pessoal envolvido nas eleições, permitindo “um normal andamento de todo o processo”.

Nas autárquicas de 2016, no concelho do Porto Novo concorreram os candidatos Aníbal Azevedo Fonseca (MpD), que alcançou 49,79 % dos votos, e Rosa Lopes Rocha (PAICV), que obteve 46,78 %.

Para as eleições do dia 25 de Outubro, em Porto Novo, estão inscritos nos cadernos eleitorais 13.324 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 12.506, dos quais 9.066 votaram), que escolherão, a 25 de Outubro, os órgãos autárquicos para dirigirem o município nos próximos quatro.

A nível nacional participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista, e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

JM/DR
Inforpress/Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos