Autárquicas 2020/São Salvador do Mundo: Candidato do MpD elege para os próximos quatro anos o sector de água como “bandeira”

Achada Igreja, 23 Set (Inforpress) – O cabeça de lista do MpD à câmara de São Salvador do Mundo pediu hoje mais um mandato para concluir os projectos iniciados em 2016 e elegeu para os próximos quatro anos o sector de água como “bandeira”.

Ângelo Vaz, que concorre à sua própria sucessão à presidência Câmara Municipal de Salvador do Mundo nas eleições de 25 de Outubro, falava à imprensa momentos antes da apresentação pública da sua candidatura, sob o lema “Juntos, para fazer ainda mais por São Salvador do Mundo”, numa cerimónia presidida pelo vice-presidente do partido, Olavo Correia, e que teve lugar no centro paroquial local, e com transmissão nas redes sociais.

“Pedimos mais quatro anos de mandato, justamente, para concluirmos aquilo que iniciamos em 2016. Foram quatro anos de intenso trabalho e dedicação ao São Salvador do Mundo (Picos), onde tínhamos elencado como prioridades fundamentais, o desencravamento, a habitação social e o empreendedorismo jovem, e a agricultura. Mas, nos próximos quatro anos vamos investir no sector de água”, declarou o candidato.

O investimento no sector de água, conforme justificou, deve-se ao facto de aquele município do interior de Santiago ter actualmente apenas cerca de 30 por cento (%) da população com água canalizada, tendo apontado como desafio para os próximos quatro anos fazer com que cada salvadorenho tenha água canalizada e casa de banho.

Além da água canalizada e casa de banho, que segundo ele visam garantir a dignidade dos salvadorenhos, assegurou que vão continuar a apostar fortemente no desencravamento, na habitação social, e na agricultura.

Também em declarações à imprensa, Olavo Correia afirmou que a aposta do MpD em Ângelo Vaz, que faz a dupla com a advogada Elsa Rodrigues, que encabeça a lista para a assembleia municipal, se deve ao trabalho feito e reconhecido por todos os salvadorenhos, em todos os domínios e com “resultados positivos”.

Daí que, segundo o governante, Ângelo Vaz merece toda a confiança para poder governar nos próximos anos Picos, mas, no entanto, alertou que vai ser um “ciclo diferente e muito exigente”, referindo-se à pandemia do novo coronavírus (covid-19).

FM/JMV

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos