Autárquicas 2020/São Lourenço dos Órgãos: Ulisses Correia e Silva apadrinha Carlos Vasconcelos

João Teves, 21 Out (Inforpress) – Ulisses Correia e Silva esteve, esta terça-feira, em João Teves a incentivar a candidatura do seu partido, encabeçada por Carlos Vasconcelos, a quem considerou o homem ideal para dirigir por mais um mandato o município.

“Esperemos que haja uma boa afluência às urnas e que os eleitores façam a sua escolha. Nós temos os melhores candidatos e bons programas. Aqui em São Lourenço dos Órgãos temos um exemplo de candidato [Carlos Vasconcelos] com provas dadas e que vai fazer um melhor mandato que o anterior”, afirmou o presidente do MpD e primeiro-ministro de Cabo Verde.

A pretensão do MpD é conservar todas as câmaras e aumentar ainda mais o seu “score” político nas autárquicas, mas “cada município é um caso, esperamos vencer em todas, indo com a máxima força e depois o povo decidirá”.

Com essa intenção é que Carlos Vasconcelos se deslocou à povoação de Covoada para se comprometer com a população local do vale de São Jorge. “Assumimos o compromisso com Covoada Riba de terminar a estrada que reivindica e muito bem. Já sabem que a vamos fazer no próximo mandato”. Já foi reabilitado um troço de “um quilómetro que custou 10 mil contos” e agora a estrada será completada, anunciou.

“As pessoas daqui acreditam na câmara e por isso exigem e reivindicam. Isso é bom para nós”, disse Carlos Vasconcelos, acrescentando que foi construído um posto médico em Chã de Vaca, onde vai ser colocado um médico e uma enfermeira para assistir, no que se refere aos primeiros cuidados médicos, a população de Covoada, Ribon Galinha e Longueira.

Também apresentou novos projectos que o vinculam, no próximo mandato, a esta comunidade. Na lista encontra-se a reabilitação das casas, a construção de casas de banho para todas as famílias da Covoada.

Acusou os seus adversários de estarem a denegrir a sua imagem e a da sua família e pede contenção nas intervenções. Mas foi mais longe incriminando-os de “plágio” no referente à plataforma eleitoral.

“Acabamos de ver alguns projectos deles que são cópias dos nossos projectos. Isso é sinónimo de que não tinham conhecimento da real situação pela qual passa o município de São Lourenço dos Órgãos, simplesmente por que não moram aqui. Vieram agora e descobriram que a demanda da população é outra e a solução que encontraram foi convergir a plataforma deles com o nosso”, explicou.

Nos cadernos eleitorais do concelho estão inscritos, em Covoada, perto de 300 eleitores.

Nas eleições de 2016, em São Lourenço dos Órgãos concorreram Carlos Vasconcelos, pelo MpD, que venceu com 2.013 votos (49,11%) e Victor Baessa, pelo PAICV, que obteve 1.965 votos (47,94%).

Para as eleições autárquicas de 25 de Outubro, estão inscritos nos cadernos eleitorais 5.746 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 5.268, dos quais 4.099 votaram).

A nível nacional participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

AT/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos