Autárquicas 2020/São Lourenço dos Órgãos: “Nossa candidatura cresce todos os dias”, Carlos Vasconcelos

Cidade de João Teves, 15 Out (Inforpress) – A caravana do MpD já percorreu todas as localidades, segundo o seu candidato Carlos Vasconcelos, para apresentar ao eleitorado de São Lourenço dos Órgãos os seus projectos e programa para o mandato 2020/2024.

“A nossa candidatura cresce todos os dias. Já visitamos quase todas as famílias e fomos a todas as zonas para apresentar as contas do mandato anterior e os nossos projectos e programas para o próximo mandato”, frisou Carlos Vasconcelos.

O desencravamento das localidades nas zonas alta do concelho, uma placa desportiva nas imediações das escolas, remodelações das moradias e construções de casa de banhos são algumas das pretensões discutidas com as famílias nas diversas povoações.

Boca Larga, Poilão Fonseca, Achada Costa, Levada e Montanhinha receberam a visita da equipa do Movimento para a Democracia (MpD) convictos na renovação do mandato.

“Já fomos a quase todas as localidades e somos bem acolhidos pelas famílias. Há um grande reconhecimento da parte da população do nosso trabalho, feito no mandato anterior. As pessoas confiam e acreditam nos nossos projectos e programas. Tudo indica para uma vitória do MpD aqui no concelho de São Lourenço dos Órgãos” – reafirmou Carlos Vasconcelos, candidato do MpD.

As zonas altas, devido a sua orografia e dispersão populacional, têm sido alvo da atenção redobrada das duas candidaturas. O trabalho porta-a-porta é árduo e exige disponibilidade e vontade dos membros das equipas a longas deslocações a pé e em caminhos vicinais bem acidentados.

Se, em algumas localidades, a modalidade porta-a-porta é a melhor escolha, em outras, como nas zonas de Poilão Fonseca, Achada Costa e Levada, situadas a jusante e montante da Barragem do Poilão, recorre-se a uma comunicação através do carro de som.

Nestes lugares, a casaria é menos dispersa. A comunicação centralizou-se no domínio agrícola devido à predominância dos agricultores. “Mas também falamos da juventude, do emprego e da construção de uma placa desportiva nas imediações da escola de Levada e de um centro multiuso em Poilão Fonseca”.

“Tudo isso para demonstrar a nossa vontade e a bondade dos nossos programas e projectos para os próximos quatro anos nas zonas baixas do concelho”, referiu o candidato do MpD à presidência da Câmara Municipal de São Lourenço dos Órgãos.

Nas áreas altas do município, atacou-se com denodo o núcleo populacional de Montanhinha com programas sociais, onde se destaca o desencravamento de alguns locais, reabilitação das casas degradadas, construção de casas de banho, apoio no transporte dos alunos.

Nas eleições de 2016, em São Lourenço dos Órgãos concorreram Carlos Vasconcelos, pelo MpD, que venceu com 2.013 votos (49,11%) e Victor Baessa, pelo PAICV, que obteve 1.965 votos (47,94%).

Para as eleições autárquicas de 25 de Outubro, estão inscritos nos cadernos eleitorais 5.746 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 5.268, dos quais 4.099 votaram).

A nível nacional participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

AT/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos