Autárquicas 2020/Santa Cruz: Desentendimento entre as candidaturas provoca reforço da intervenção da Polícia Nacional nas ruas

Pedra Badejo, 16 Out (Inforpress) – Um desentendimento ocorrido na noite de quinta-feira entre as candidaturas do MpD e do PAICV em Santa Cruz foi alvo de intervenção da Polícia Nacional nas ruas, com o reforço de efectivos provenientes da esquadra de Santa Catarina.

Segundo testemunhos, tudo aconteceu por volta das 21:00 quando a caravana da candidatura do Movimento para a Democracia (MpD), que esteve na zona de Ribeirão Boi, passava na estrada em frente à sede do Partido Africano da Independência de Cabo Verde e, na sequência disso, houve brigas entre apoiantes de ambas as candidaturas que se encontravam no local.

A imprensa tentou saber mais informações junto da esquadra da polícia de Santa Cruz, mas os efectivos que se encontravam no local afirmaram que até o momento ninguém foi detido, alegando que não sabem de mais pormenores sobre o assunto.

Entretanto, mais de sete viaturas da Polícia Nacional fizeram várias rondas pelas ruas da cidade de Pedra Badejo, mas ainda não se sabe de mais pormenores, pelo que a Inforpress tentará trazer mais detalhes.

Na disputa à liderança da Câmara Municipal de Santa Cruz nas eleições autárquicas de 25 de Outubro estão Carlos Silva, candidato à sua própria sucessão suportado pelo PAICV, e o seu adversário do MpD, Pedro Alexandre, antigo edil santa-cruzense na década de 1990 a 2000.

Nas eleições de 2016, as sétimas realizadas em Cabo Verde para escolha dos titulares dos órgãos municipais do concelho de Santa Cruz, concorreram dois candidatos, tendo o PAICV (Carlos Silva) conquistado a câmara com 5.542 votos (50,30%) e o MpD (Manuel da Luz Tavares) obtido 5.227 votos (47,44%).

Para as eleições autárquicas de 25 de Outubro, em Santa Cruz, estão inscritos nos cadernos eleitorais 17.137 eleitores (em 2016 o número de inscritos era de 15.866, dos quais 10.726 votaram).

A nível nacional, participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (1 no município da Praia e 1 para Assembleia Municipal na Boa Vista), e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

WM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos