Autárquicas 2020/Praia: “Dja Sta Bom” vai ao terreno convencer os munícipes que têm uma nova opção de voto

Cidade da Praia, 18 Out (Inforpress) – O movimento “Dja Sta Bom” que tem pautado praticamente pela campanha virtual, saiu hoje mais uma vez ao terreno, visando convocar os munícipes para uma nova opção de voto como forma de mostrar as suas indignações.

Percorrendo hoje, os bairros de Vila Nova, Safende e toda a área envolvente, a líder Denise Tavares assegurou que tem contado com boa adesão das pessoas a esta nova causa, tendo os mesmos enaltecidos com esta nova opção de voto.

“Em todos os contactos notamos que sobretudo a camada jovem está descontente, e por isso mesmo demonstraram as suas descrenças de votar nos dois maiores partidos, como o PAICV e o MpD, e nem nenhum outro partido, porque consideram que agem todos da mesma forma”, informou a candidata à presidência da Câmara Municipal da Praia.

Daí que a candidata e a sua equipa estiveram a apresentar a esses povoados as suas propostas e a convencê-los de que podem contar com uma nova opção de voto, como forma de mostrarem as suas indignações, ou seja, a escolha de um movimento que não está associado a nenhum partido.

“Falamos do nosso movimento, dos objectivos que estão por detrás na nossa candidatura e a maioria de quem falamos tinha dito que não iam votar, mas contaram que agora vão exercer um voto de mudança”, adiantou.
Segundo Denise Tavares, o principal problema com que se depararam tem a ver com a camada jovem, ou seja, no emprego jovem e na falta de ocupação dos seus tempos livres.

O movimento “Dja Sta Bom” que tem por finalidade dar um “basta” na actual situação política e social do País, avançou que as pessoas contactadas hoje já aderiram ao grupo, tendo as mesmas apoiado esta candidatura.

Para estes bairros, o “Dja Sta Bom” espera poder, a partir do dia 25 de Outubro, contribuir por forma a que os jovens possam criar o auto-emprego, não esperando empregar-se apenas através dos empresários ou do Estado.

Para as eleições de 25 de Outubro, na Praia, estão inscritos nos cadernos de recenseamento 86.180 eleitores.

Além de Denise Tavares (DSB), concorrem às eleições, neste concelho, Amândio Barbosa Vicente (PP), Any Reis (Sociedade Civil), Carlos Lopes (LUTA), Francisco Carvalho (PAICV), Francisco Silva (UCID), Jeremias Garcia (MPJT) e Óscar Santos (MpD).

Nas eleições de 2016 neste município concorreram cinco listas, tendo o MpD (Óscar Santos) conquistado a câmara com 62,74% dos votos, PAICV (Cristina Fontes) 32,43%, UCID (Francisco Silva) 1,77%, PP (Amândio Vicente) 0,61%, e PTS (José Augusto Fernandes) 0,26%.

A nível nacional, participa na corrida a estas eleições um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

ET/DR
Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos