Autárquicas 2020/Praia: “Dja Sta Bom” apresenta movimento em Achada Grande Frente e pede voto para mudança

Cidade da Praia, 21 Out (Inforpress) – A candidatura do “Dja Sta Bom” à câmara da Praia esteve hoje no bairro de Achada Grande Frente onde apresentou o movimento ao eleitorado e pediu um voto de confiança caso as pessoas queiram realmente mudança na autarquia.

O grupo, que tem realizado, nos últimos dias, campanha porta-a-porta em vários bairros com o propósito de dar a conhecer “Dja Sta Bom”, para poder com isso despertar a consciência da população face ao exercício da cidadania, votando em quem melhor servirá Praia, provocou ainda o eleitorado no sentido de apontar dificuldades e problemas com que se deparam.

“Nas nossas andanças pelos bairros temos pautado, primeiro, por informar sobre quem somos e qual a nossa pretensão enquanto jovens que querem contribuir para uma Praia diferente onde todos têm vez e voz”, disse o mandatário, Eduardo Silva, em declarações à Inforpress.

No bairro de Achada Grande, onde os moradores, homens e mulheres, são na sua maioria pessoas que dependem da pesca, o “Dja Sta Bom” aposta num desenvolvimento do sector com implementação de projectos que dinamizam a reestruturação das embarcações e formação.

Isso porque, salientou Eduardo Silva, a maior parte dos pescadores da zona urbana da Praia são pessoas com parcos recursos e sem condições de investir na renovação das suas embarcações e na compra de materiais mais modernos para pesca.

“Precisamos investir nos nossos homens do mar para que possam competir com os estrangeiros que invadem a nossa área marítima e poderem trazer à terra pescados de melhor qualidade”, acrescentou.

O grupo, que pretende reforçar a sua presença junto do eleitorado, nos dois derradeiros dias de campanha, espera que os praienses saibam no dia 25 escolher a melhor opção para dirigir Praia.

Para as eleições de 25 de Outubro, na Praia, estão inscritos 86.180 eleitores.

Além de Denise Tavares (DSB), concorrem às eleições, neste concelho, Amândio Barbosa Vicente (PP), Any Reis (Sociedade Civil), Carlos Lopes (LUTA), Francisco Carvalho (PAICV), Francisco Silva (UCID), Jeremias Garcia (MPJT) e Óscar Santos (MpD).

Nas eleições de 2016 neste município concorreram cinco listas, tendo o MpD (Óscar Santos) conquistado a câmara com 62,74% dos votos, PAICV (Cristina Fontes) 32,43%, UCID (Francisco Silva) 1,77%, PP (Amândio Vicente) 0,61%, e PTS (José Augusto Fernandes) 0,26%.

A nível nacional, participa na corrida a estas eleições um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal (2), Praia (4) e São Vicente (1).

PC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos