Autárquicas 2020/Paul: UCID considera abstenção no concelho “questão preocupante” 

Cidade das Pombas, 19 Out (Inforpress) – O candidato da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID) à Câmara Municipal do Paul, Sandro Gomes, vê a taxa de abstenção como uma “questão preocupante” no concelho, derivado do “descontentamento da população” com os governantes.

Para Sandro Gomes, se a população abstém não é por estar “longe ou doente”, mas sim por estarem “descontentes e desiludidos” com os governantes e que se reflectiu nos resultados de 2016, em que num total de 5.250 inscritos, apenas 3.876 votaram.

“As pessoas limitam-se a ficar em casa, já que dizem ser a mesma coisa, se um ou outro”, explicou a mesma fonte, em entrevista à Inforpress, adiantando que com a introdução da UCID no Paul tentam “mostrar o contrário”.

“A solução está na UCID, para não ficarmos no jogo PAICV/MpD, sempre a mesma coisa, para não ficarmos nessa dicotomia”, garantiu, com a convicção que o partido trará um “novo alento, novos horizontes e nova dinâmica para Paul”.

Tudo isso, acrescentou, “acompanhado de desenvolvimento e crescimento, que o concelho carece e muito”.

Por isso, Sandro Gomes apelou aos paulenses para que não fiquem em casa no dia 25 de Outubro e não façam aumentar mais a taxa de abstenção, que só beneficia o partido no poder.

“Nós lutamos pela mudança e contra a abstenção, por isso dizemos às pessoas, vamos votar sim, porque um voto conta, mas, se ficar em casa conta é contra”, reiterou a mesma fonte, apontando “muitos paulenses receosos e desgostosos” com os dois outros partidos.

“Mas, nós somos diferentes, não podemos estar a fazer campanha como estamos a fazer agora e depois quando ganharmos fazermos igual, com promessas infundadas”, concretizou.

Para além de Sandro Gomes (UCID) concorrem à Câmara Municipal do Paul, António Aleixo pelo Movimento para Democracia (MpD) e Carlos Pires Ferreira pelo Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV).

Para as eleições do dia 25 de Outubro, no concelho do Paul, estão inscritos 5.331 eleitores, dos quais cinco são cidadãos estrangeiros.

Em 2016 o número de inscritos foi de 5.250 dos quais apenas 3.876 votaram.

Na corrida para as autárquicas de 25 de Outubro participa um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para a Assembleia Municipal da Boa Vista), e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), de São Domingos (1), do Tarrafal de São Nicolau (1), do Sal (1) do Tarrafal (2), da Praia (4) e de São Vicente (1).

LN/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos