Autárquicas 2020/São Filipe: Construção de um cais de pesca condigno e instalação de unidade de produção de gelo na lista da proposta da UCID

São Filipe, 20 Out (Inforpress) – A candidatura da União Cabo-verdiana Independente e Democrática (UCID) defende que São Filipe necessita de um cais de pesca a sério com condições de segurança porque o actual “não garante a segurança” aos pescadores e muito menos de higiene.

Durante uma acção de campanha no cais de pesca, o candidato da UCID indicou que além de falta de segurança e higiene os pescadores têm tido dificuldade no arrasto dos botes, falta de espaço adequado e seguro para depósito dos seus equipamentos e materiais, assim como a própria localização do cais numa área com ventania constante e queda de pedras da rocha.

“Estamos a mostrar um São Filipe real e os sectores críticos que o município tem de trabalhar de forma mais sustentável como é o da pesca”, disse Pedro Ribeiro num diálogo com pescadores, indicando que a UCID tem um programa que passa pela construção de um cais de pesca do lado oposto porque já se percebeu que o actual não tem condições e coloca em perigo a vida dos mesmos e as suas embarcações.

A construção do cais será em parceria com o Governo a quem cabe esta responsabilidade, mas dada a inércia do Governo, caso seja eleito, vai trabalhar na mobilização de parcerias para o seu financiamento.

Este defendeu igualmente a fixação de arrastadores, a instalação de uma pequena unidade de produção de gelo para colmatar a dificuldade e para dar suporte aos pescadores, construção de um espaço social para peixeiras e suas crianças, disponibilização de kits de apoio para comercialização do pescado com segurança e qualidade de higiene.

O apoio a pescadores e peixeiras para restauros de botes durante o ano, implementação de um programa social para peixeiras e pescadores com idade mais avançada, promovendo a inscrição no sistema do INPS (Instituto Nacional de Previdência Social) para que possam ter uma pensão condigna são outras das apostas.

A construção de embarcação de média dimensão para dar suporte às embarcações de menor dimensão, na eventualidade no mar, requalificação da área de cais de pesca, e extensão do porto comercial para ter maior capacidade de operação e receber navios de cruzeiro também constam das propostas da UCID.

Nas eleições de 2016, concorreram um total de três candidatos no concelho de São Filipe, tendo o MPD (Jorge Nogueira) alcançado 4.381 votos (48,84%), o PAICV (Eugénio Veiga) alcançado 2.563 votos (28,57%) e o GPAIS (Luís Pires) alcançado 1.882 (20,98%).

Para as eleições autárquicas de 25 de Outubro, no município de São Filipe, está inscrito nos cadernos eleitorais um total de 15.531 eleitores distribuídos por 71 mesas de assembleias de votos (mais 1.224 eleitores que em 2016, distribuídos por 52 mesas de assembleias de voto), dos quais 8.970 votaram.

A nível nacional, participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista) e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal (2), Praia (4), São Vicente (1).

JR/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos