Autárquicas 2020: Carlos Silva diz que “Santa Cruz acima de tudo” é o seu compromisso

Pedra Badejo, 29 Jun (Inforpress) – “Santa Cruz acima de tudo” é o lema de candidatura de Carlos Silva à sua própria sucessão nas próximas eleições autárquicas, revelou à Inforpress, salientando que este é seu compromisso para levar o município para frente.

Carlos Siva assegurou que já recebeu o convite do Partido Africano da Independência de Cabo Verde (PAICV) para candidatar para um segundo mandato em Santa Cruz, interior de Santiago.

Admitiu que o primeiro mandato “não foi fácil”, devido aos três anos consecutivos de seca e mau ano agrícola, que afectaram sobretudo um município com características de Santa Cruz, mas garantiu que, devido à “experiencia e amor da sua equipa”, conseguiu-se implementar “projectos estruturantes” para dinamizar o sector económico.

“Apostamos fortemente numa agenda económica que já começou a ter frutos em Santa Cruz e acreditamos que com mais tempo conseguiremos colocar o nosso concelho num bom patamar do desenvolvimento”, fez saber.

Mencionou vários parceiros do desenvolvimento, de entre eles, o Governo, mas salientou que o maior parceiro durante o mandato foram os munícipes, através de uma espécie de pacto que resultou de uma gestão aberta e de proximidade.

“Hoje conseguimos entrar no rumo do desenvolvimento, com dinâmicas de obras para todos os cantos do concelho e em todos os domínios”, afiançou, acrescentando que o projecto “Santa Cruz acima de tudo” é o seu compromisso para tornar o concelho economicamente mais competitivo.

Ao seu ver, Santa Cruz está a transformar para melhor, fruto de grandes parcerias, que garantem um desenvolvimento sustentável.

“No primeiro mandato apostamos fortemente na infra-estruturação do município porque tínhamos que combater desde logo o desemprego e garantir o rendimento às famílias. Isto é, ao mesmo tempo que estamos a apostar na infra-estruturação estamos a garantir o emprego”, explicou.

Segundo demonstrou, a sua plataforma eleitoral vai ter “forte foco” na economia e nas pessoas, sobretudo a camada jovem.

“O foco principal é na criação de riqueza local para poder garantir o emprego. Tendo o emprego, cada família vai ter o seu rendimento e tendo o seu rendimento conseguiremos garantir um desenvolvimento sustentável”, referiu.

Carlos Silva mostrou-se confiante em melhores tempos para o seu concelho, até porque, segundo ele, as previsões indicam para uma boa queda das chuvas este ano, que é um importante para um dos maiores concelhos agrícolas do País.

WM/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
[wd_asp elements='search' ratio='100%' id=2]
    • Categorias

  • Galeria de Fotos