Autárquicas 2020/Brava: Delegado da CNE garante que logística já está pronta para as eleições

Nova Sintra, 24 Out (Inforpress) – O delegado da Comissão Nacional de Eleições (CNE) pelo círculo da Brava, Fernando Morais, garantiu hoje que a nível logístico, já se encontra “tudo pronto e organizado” para as eleições de domingo.

Em declarações à Inforpress, o responsável avançou que estão inscritos nos cadernos eleitorais da ilha, 4.683 eleitores, incluindo nove cidadãos estrangeiros, e que estão divididos por 26 mesas.

Conforme avançou, este ano, devido à pandemia da covid-19, foi necessário aumentar mais três mesas, sendo uma em Nova Sintra, uma em Cova Rodela e a outra na localidade de Mato.

As 26 mesas de votos estarão distribuídas pela Vila de Nova Sintra, Lém, Furna, João da Noly, Mato Grande, Cova Rodela, Santa Bárbara, Belém, Baleia, Cachaço, Nossa Senhora do Monte, Mato, Pau, Fajã d´Água, Campo Baixo, Lomba Tantum, Cova Joana e Braga.

Sobre às medidas de prevenção contra a covid-19, a mesma fonte avançou que ambas foram tomadas a nível nacional e que localmente, procuraram salas mais amplas para garantir o distanciamento, mesmo entre os membros das mesas.

Para a higienização, hoje e na segunda-feira, 26, uma equipa de bombeiros e um “staff” vão trabalhar na arrumação, limpeza e desinfecção dos espaços.

No dia do voto, 25 de Outubro, apontou que haverá uma pessoa que ficará à porta só para disponibilizar álcool gel para as mãos das pessoas, e um fiscal que, além de controlar o perímetro, terá também a função de controlar o distanciamento social entre as pessoas.

Fernando Morais pede ao eleitorado que seja consciente, incentivando-o a participar da votação, porque é um dever cívico, mas que tome cuidado e respeite as medidas.

Por seu turno, o comandante da esquadra Policial da Brava, Higor Almeida, também garantiu que já está tudo aposto, não só para domingo, mas também para hoje.

A sua equipa é constituída por 20 efectivos, que conforme avançou, vai estar nos locais das mesas de votos e fazendo rondas, garantindo à normalidade do processo.

O mesmo aproveitou para apelar um cumprimento ao rigor por parte das pessoas, como forma de prevenir e evitar a propagação da covid-19.

MC/DR
Inforpress/Fim

 

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos