Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Autárquicas 2020/Boa Vista: José Luís Santos propõe “continuar a requalificar e reabilitar a zona de Rabil”

Sal Rei, 09 Out (Inforpress) – José Luís Santos, candidato à própria sucessão com apoio do MpD, propõe “continuar a requalificar e reabilitar Rabil, com o intuito de transformá-lo num ponto de atracção turística, trazendo impacto e revolução à localidade, para bem da população”.

Esta é a proposta do candidato do MpD, que esteve no segundo dia de campanha em contato porta-a-porta na localidade de Rabil, e mais tarde em Estância de Baixo onde se realizou uma conversa aberta com mulheres, em apresentação da candidata à presidência da Assembleia Municipal, Elisabete Évora.

“Para Rabil, brevemente iniciaremos obras de reabilitação, e requalificação de toda a entrada da zona, que vai desde a rotundo do cemitério até rotunda ao lado do estádio de Boa Ventura, com espaços para colocação de quiosques, para venda de artesanato e outras actividades que vai ter um impacto forte no turismo”, garantiu José Luís Santos, que assegurou ser esta uma obra “muito importante que vai trazer vantagens para a população”.

Ainda para a zona do aeroporto, o candidato disse que há projecto de requalificação e reconstrução de miradouro de Riba Rotcha, e requalificação de todo aquele largo, com construção de esplanada, espaços para actividades comerciais, e de lazer, obras que observou, serem “importantes e que vai também impactar e revolucionar a localidade”.

“Este é um povoado muito visitado por turistas, mas não encontram infra-estruturas para permanecerem, para comprar e para impactar na vida dos moradores”, descreveu, avançando haver já financiamento destes projectos que arrancam nos próximos meses, reiterando “para bem da população de Rabil e da ilha da Boa Vista”.

Iluminação do campo de Ca Gadja, onde, considera, “tem sido excite libris da juventude” e serve para desviar os jovens de outros males sociais como bebida, droga e outros problemas sociais, será outro foco para a localidade de Rabil.

Hoje de manhã parte da equipa de José Luís Santos junto com os membros da sua candidatura residentes no bairro da Boa Esperança e na cidade de Sal Rei estiveram nas respectivas zonas, e os restantes candidatos de cada povoado foram para contactos porta-a-porta nas suas zonas.

Nas autárquicas de 2016, na ilha da Boa Vista concorreram três candidatos, José Luís Santos (Basta), que alcançou 57,56% dos votos, José Pinto Almeida (MpD), que obteve 30,60 % dos votos, e José Henrique Cruz (PAICV), com 10,32% dos votos.

Para as eleições do dia 25 de Outubro, na Boa Vista estão inscritos 8.477 eleitores, provisoriamente (em 2016 o número de inscritos era de 6.826, dos quais 4.340 votaram).

Concorrem à presidência da Câmara Municipal da Boa Vista, José Luís Santos, na lista do MpD, e Cláudio Mendonça, na lista do PAICV, enquanto que o Partido Popular apresentou uma lista somente para a Assembleia Municipal, encabeçada pelo cidadão de origem italiana, Sérgio Corrá.

Participa na corrida um total de 65 candidatos, sendo 22 do MpD, 22 do PAICV, sete da UCID, dois do PP (um no município da Praia e um para Assembleia Municipal na Boa Vista, e mais 12 candidatos independentes que disputam as câmaras municipais da Ribeira Grande (1), de Santa Catarina (1), São Domingos (1), Tarrafal de São Nicolau (1), Sal (1) Tarrafal de Santiago (2), Praia (4) e São Vicente (1).

VD/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos