Associação Black Panthers renova protocolo de cooperação com Associação Amigos de Cabo Verde na Suécia

Cidade da Praia, 05 Jan (Inforpress) – A Associação Juvenil Black Panthers renovou hoje o seu protocolo de cooperação com a Associação Amigos de Cabo Verde, na Suécia, para apoiar crianças do pré-escolar até ao 12º ano de escolaridade.

Segundo o presidente da Associação Black Panthers, com sede na cidade da Praia, Alcides Amarante trata-se de um “marco histórico” para a associação, já que é a quinta vez que está a assinar um protocolo com esta associação, acrescentando que é uma organização que ao longo do ano vem apoiando a associação e comunidade da Várzea.

A prioridade, segundo Alcides Amarante, é de manter o bem-estar das crianças, garantindo-lhes alimentação, cuidados e também apoios no nível do ensino.

“As nossas crianças têm recebido da associação apoios desde o pré-escolar até ao 12º ano da escolaridade, ou seja, hoje temos vários jovens aqui na comunidade que já terminaram os seus estudos que passaram para Infantário Mini Black”, apontou.

O principal objectivo da assinatura do protocolo visa auxiliar as crianças oriundas das famílias carenciadas da Várzea da companhia e arredores, com enfoque para as crianças do infantário Mini Black, da Associação Juvenil Black Panthers.

Com mais essa renovação abre-se a possibilidade de alargar o número de beneficiários, incluindo os idosos e famílias com mais dificuldades.

“Neste momento estamos com 64 crianças no infantário, divididas em turmas, porque tendo em conta a situação pandémica que estamos a atravessar não podemos agrupar, mas estamos a acompanhar de perto outras crianças oriundas das famílias mais necessitadas”, explicou.

A presidente da Associação Amigos de Cabo Verde na Suécia, Leontina Barreto, explicou que para angariar fundos, anualmente realizam festas com diversas actividades culturais e palestras.   

A cerimónia contou com a presença da secretária de Estado do Ensino Superior, Eurídice Monteiro, que enalteceu o trabalho das associações nas respostas às pessoas mais vulneráveis.

Fundada em 31 de Dezembro de 1980, a Associação Black Panthers nasceu da missão de ajudar os mais necessitados na comunidade onde está sediada, bairro da Várzea, na Cidade da Praia, com foco na educação e formação das crianças e jovens.

AT/HF

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos