Assistência alimentar continua a ser a área mais favorecida de cooperação entre Japão e Cabo Verde – embaixador

Cidade da Praia, 17 Abr (Inforpress) – O embaixador do Japão, Tatsuo Arai, disse hoje que a assistência alimentar para Cabo Verde continua a ser uma das áreas mais antigas e favorecidas de cooperação e a regularidade demonstra o dinamismo das relações entre os países.

O diplomata nipónico fez esta declaração à imprensa, após a cerimónia de entrega de uma ajuda alimentar a Cabo Verde, traduzida em 5.950 toneladas de arroz, que aconteceu hoje na Cidade da Praia.

Na ocasião, lembrou que devido à sua localização geográfica, Cabo Verde sofre com as condições climáticas adversas que têm impacto nas campanhas agrícolas, cujos resultados se traduzem num declínio da produção, particularmente nos cereais.

Com isso, referiu que esta doação de arroz ajudará a cobrir as necessidades anuais de muitos cabo-verdianos e reduzirá a dependência alimentar da população, satisfazendo suas necessidades.

“De facto, o objectivo básico da assistência alimentar japonesa é contribuir para o fortalecimento da segurança alimentar, reduzindo a transferência de capital por meio da redução das importações comerciais”, explicou.

Tatsuo Arai realçou que o donativo está alinhado com a ajuda pública ao desenvolvimento do Japão e concentra-se em atender às necessidades directas das pessoas, pois a insegurança alimentar abre portas para problemas de saúde e bem-estar, com os quais não pode haver desenvolvimento.

“A segurança alimentar é essencial para construir uma sociedade resiliente”, defendeu.

Outro objectivo apontado pelo diplomata japonês é contribuir para o desenvolvimento socioeconómico, por meio de gerenciamento rigoroso e do uso eficiente dos fundos de contrapartida, gerados pela venda de arroz.

“Este fundo serve para apoiar o Governo de Cabo Verde na implementação de programas sociais, em vários campos”, indicou, sublinhando que assim poderão ser portadores do bem-estar e da satisfação para as populações.

Para finalizar, Tatsuo Ara desejou “em nome de profunda amizade e cooperação” que une os dois países, que o arroz oferecido hoje seja distribuído de forma rápida e eficiente, para dar testemunho do presente e do futuro brilhante da cooperação entre Japão e Cabo Verde.

Este é o 43º donativo alimentar doado pelo Japão, sendo que este último é referente ao acordo assinado no último ano, em que Cabo Verde recebe 5.950 toneladas de arroz no valor de 370 milhões de escudos.

HR/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos