Artista plástico santantonense ganha prémio internacional na Eslovénia (c/áudio)

Ribeira Grande, 27 Jun (Inforpress) – O artista plástico santantonense, Eduardo Bentub, ganhou o prémio de melhor artista internacional durante a 28ª edição do Simpósio Internacional de Arte Contemporânea que terminou esta sexta-feira, na Eslovénia.

“Diva delfine sodade” é o título do quadro, de 80 X 120 centímetros em técnica mista sobre tela, com que Eduardo Bentub foi distinguido durante esta edição do Simpósio Internacional de Arte Contemporânea, na Eslovénia.

Eduardo Bentub disse à Inforpress que, embora não oficialmente, esteve a representar Cabo Verde entre um grupo de outros artistas internacionais convidados para esse evento que teve lugar de 21 a 26 de Junho, corrente, organizado desde 1993 pelo pintor Klavdij Tutta e uma crítica de arte Anamarija Stibilj Šajn.

Nascido em 1979, em Santo Antão, Eduardo Bentub frequentou o curso de Matemática em Aveiro e Arquitectura em Lisboa. Entre 2003 e 2006 trabalhou com o pintor cabo-verdiano David Levy Lima. Vive na Eslovénia desde 2010 e tem participado em várias exposições nesse país.

Em 2013 recebeu Menção Honrosa Primavera na categoria de artista jovem, atribuída pela Associação de pintores de Maribor.

Em Agosto de 2019, Eduardo Bentub esteve em Cabo Verde, mais precisamente na Cidade da Praia, a ministrar uma residência artística, a convite do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, através da Direcção-Geral das Artes e Indústrias Criativas.

HF/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos