Artista cabo-verdiano Djam Neguin marca presença no FIMAD no Senegal

Cidade da Praia, 03 Mai (Inforpress) – O artista cabo-verdiano Djam Neguin marca presença, no próximo sábado, na primeira edição do Festival Internacional de Músicas e Artes de Dakar (FEMAD) que acontece de 04 a 08 deste mês em Dakar – Senegal.

Djam Neguin, que volta a pisar os palcos internacionais, é o único convidado cabo-verdiano desta primeira edição do Femad, lê-se num comunicado de imprensa enviado à Inforpress.

O artista actuará no dia 07 de Maio, pelas 21:00, acompanhado por uma banda senegalesa.

De acordo com a organização do evento, a música de Djam Neguin “exala um calor comunicativo. Oferece o sol do seu Cabo Verde pulverizando os seus limites para infundir-lhe uma cor actual”.

Na nota informam ainda que Djam Neguin está a preparar-se para lançar ainda este mês o segundo single do seu E.P Autofagias e uma série de outros festivais e eventos internacionais.

Pensado como um criador de laços sociais através da música em toda a sua diversidade, o FIMAD reunirá, em torno de Dakar, de 04 a 08 de Maio de 2022, um público diversificado entre 2.000 a 3.000 pessoas.

Durante o evento que acontece das 10:00 às 02:00, serão durante desenvolvidas actividades para jovens e idosos, públicos e artistas locais e internacionais.

Promovida pelo Groupe ATOM (Empresa Cultural e Artística fundada em 2014 pelo Sr. Issa DIAL, seu actual director-geral), reúne em único momento, ocasião para conhecer, descobrir, dançar e celebrar os simples vínculos criados por diversas e variadas culturas.

O festival pretende promover a criação de vínculos sociais e económicos de compartimentação de públicos num cenário cultural e artístico. É um formato único, o primeiro grande evento dedicado à arte, música do mundo actual e é aberta a todos.

O festival oferece, ao longo do seu percurso, um palco de qualidade onde DJ e artistas locais e internacionais actuam com os seus grupos ou acompanhados pela banda de apoio do festival (Orquestra Nacional do Senegal / Banda Suuxat) para além de uma linha de música electrónica.

Estão previstas ainda actividades para os mais novos nomeadamente exposição, introdução à percussão supervisionada por um profissional de Guadalupe.

TC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos