Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Apresentado na Praia áudio-livro inclusivo da cantora e contadora de história Celina Pereira

Cidade da Praia, 26 Mar (Inforpress)  – “A Sereia Mánina e seus sapatos vermelhos”, o mais recente livro infantil da escritora e cantora Celina Pereira, em formato impresso e áudio, foi lançado na tarde de hoje na Biblioteca Nacional, na cidade da Praia.

Editado pela Editorial Novembro, em formato impresso e áudio, a obra relata a história de uma pequena sereia que tem que encontrar um par de sapatos vermelhos para poder ir ao baile onde todos vão agradecer as chuvas que abundantemente caíram nas ilhas,  e tem sido referenciado como “um conto cheio de ritmo e musicalidade editado.

Este novo livro infantil da cantora e contadora de histórias cabo-verdiana residente nas terras lusas esta escritas nas línguas portuguesa, crioula e no sistema Braille, sendo que este lançamento contou com a iniciativa do Ministério da Cultura e das Indústrias Criativas, numa parceria com o Grupo de Comunicação Novembro e a Embaixada de Cabo Verde em Portugal,

Ao apresentar o livro, o sociólogo e investigador musical César Monteiro enalteceu “o ineditismo desta obra inclusiva” nas três versões, em Cabo Verde, afirmando que foi uma vontade expressa da Celina Pereira para chegar a um público “mais heterogéneo”, e que se trata de um trabalho que ultrapassa “de longe” um simples livro audiovisual.

Definiu Celina Pereira como uma preservadora das tradições orais e da música tradicional cabo-verdiana, uma escritora multifacetada que tem dado a cultura cabo-verdiana um “legado valiosíssimo”.

Mostrou-se satisfeito pelo facto de a sociedade cabo-verdiana começar a “tomar consciência do enorme papel” de Celina Pereira, no domínio particularmente da preservação das tradições orais através dos contos e da música tradicional cabo-verdiana.

A representante das Edições Novembro, Avelina Ferraz, disse que este livro vai ao encontro a esta homenagem, que se pretende prestar a Celina Pereira em vida, por ser uma obra “cheio de afecto”, cujo projecto foi iniciado há três anos, como o concretizar de um sonho da autora que neste momento se encontra doente.

“Celina Pereira é a maior representante da cultura de Cabo Verde em Portugal”, afirmou Ferraz, para quem “faz todo o sentido” o arquipélago trazer este livro para a sua apresentação no país, quando se sabe que “A Sereia Mánina e seus sapatos vermelhos – Serêa Mánina e sís sapóte burmêdje [vermêlhe]” foi apresentado em Agosto último em Portugal.

O auditório esteve composto com uma plateia marcada pela presença de muitos invisuais e surdos-mudos que se congratularam com este áudio-livro com tradução do português para crioulo cabo-verdiano e transcrito para o Braille.

SR/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos