Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

Covid-19: Cabo Verde Airlines suspende rota Sal – Porto Alegre

Cidade da Praia, 12 Mar (Inforpress) – A Cabo Verde Airlines (CVA) informou hoje que irá suspender a rota Ilha do Sal – Porto Alegre (Brasil) e vice-versa com efeitos a partir de 16 de Março e por período indeterminado, por causa do Covid-19.

Em comunicado, a CVA clarificou que providenciará o reembolso total aos clientes para todos os bilhetes vendidos para esta rota.

“A CVA lamenta o inconveniente causado aos passageiros e continuará a envidar todos os esforços para mitigar os efeitos negativos desta situação sem precedentes”, lê-se no comunicado.

Na mesma nota, a CVA afirma que continua a seguir todas as recomendações da Associação Internacional de Transportes Aéreos (IATA, na sigla em inglês), bem como as recomendações da Organização Mundial da Saúde (OMS) e mantém o contacto permanente com as autoridades locais, a fim de manter seus passageiros e tripulantes em segurança.

Cabo Verde regista três casos suspeitos do novo coronavírus, sendo duas turistas vindas da cidade do Porto (Portugal) e um cabo-verdiano que chegou da Itália, revelou hoje o director nacional de Saúde (DNS), Artur Correia.

As duas turistas, segundo a mesma fonte, estão em quarentena no Hospital Agostinho Neto, na Cidade da Praia, e o cabo-verdiano encontra-se em São Vicente, no Hospital Baptista de Sousa.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou na quarta-feira a doença Covid-19 como pandemia, justificando tal denominação com os “níveis alarmantes de propagação e de inacção”.

A pandemia de Covid-19 foi detectada em Dezembro, na China, e já provocou mais de 4.500 mortos em todo o mundo.

O número de infectados ultrapassou as 124 mil pessoas, com casos registados em 120 países e territórios, incluindo Portugal, que tem 59 casos confirmados.

Face ao avanço da pandemia, vários países têm adoptado medidas excepcionais, incluindo o regime de quarentena inicialmente decretado pela China na zona do surto.

A Itália é o caso mais grave depois da China, com mais de 12.000 infectados e pelo menos 827 mortos, o que levou o Governo a decretar a quarentena em todo o país.

GSF/AA

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos