Search
Generic filters
Exact matches only
Search in title
Search in content
Search in excerpt
Filter by Categories
Politica
Desporto
Economia
Sociedade
Ambiente
Cooperação
Cultura
Internacional
Destaques
Eleições

África: UNESCO promove ‘Webinar’ para troca de impressões sobre respostas à crise e pós-covid-19

Cidade da Praia, 12 Jun (Inforpress) – O Escritório Regional Multissectorial da UNESCO para a África Ocidental/Sahel apresenta, no dia 16, o relatório anual de 2019 e realiza um ‘Webinar’ (seminário online) para trocar impressões com os parceiros sobre respostas à crise actual e pós- covid-19.

Numa nota conceptual enviada à Inforpress, o escritório da Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (UNESCO) no Senegal (BReDA) considerou que o ano de 2019 foi marcado por uma “sinergia de intervenções” nos domínios da educação, ciências naturais, ciências humanas e sociais, cultura e comunicação e informação, específicas da UNESCO.

Essas acções, sublinhou, permitiram responder a alguns dos desafios que a região enfrenta, optimizar oportunidades e contribuir para o posicionamento dos países num caminho conducente ao desenvolvimento sustentável.

“Registaram-se progressos significativos, graças ao trabalho considerável dos nossos estados-membros, em colaboração com as comissões nacionais, as agências, fundos e programas das Nações Unidas, bem como com os parceiros bilaterais e multilaterais, a sociedade civil e o sector privado”, lê-se na nota.

O relatório de 2019, frisou, é elaborado como um compêndio de “boas práticas”, proporcionando uma informação rápida da situação nos países abrangidos pelo Escritório Regional, nomeadamente Burkina Faso, Cabo Verde, Gâmbia, Guiné-Bissau, Mali, Níger e Senegal.

Este documento, ajuntou, analisa alguns dos principais resultados e desafios e apresenta caminho a seguir.

Face à crise sanitária, social, económica e cultural causados pela pandemia do novo coronavírus, a covid-19, afirmou, estas perspectivas mudaram radicalmente desde Dezembro de 2019.

É neste sentido que no âmbito do lançamento oficial do Relatório Anual de 2019 do Escritório da UNESCO em Dacar, vão realizar este seminário online para partilhar e trocar com os parceiros sobre os resultados e pontos de destaque de 2019 nos domínios de acção desta organização.

“Embora o Sahel seja actualmente uma das regiões menos afectadas, o cenário mudou. Parece-nos importante apresentar as realizações de 2019 e, em seguida, trocar impressões com os nossos parceiros sobre a resposta à crise actual e o pós-COVID-19”, sublinhou.

Durante este seminário vão ser apresentadas as respostas da UNESCO no contexto da pandemia, as acções desenvolvidas pela BReDA e estados-membros para acompanhar as várias iniciativas e as acções em preparação para o período pós-covid-19.

Este ‘webinar’ vai contar com a presença, virtual, dos ministros, embaixadores do Burkina Faso, Cabo Verde, Gâmbia, Guiné-Bissau, Mali, Níger e Senegal, dos secretários-gerais das comissões nacionais da UNESCO, meios de comunicação social e chefes dos sectores do BReDa.

De Cabo Verde marcará presença o ministro da Cultura e das Indústrias Criativas, Abraão Vicente, que é também presidente da Comissão Nacional de Cabo Verde para a UNESCO.

AM/ZS

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos