Acrides lança campanha “Justiça Amiga da Criança” para maior consciencialização e protecção das crianças

Praia, 09 Abr (Inforpress) – A presidente da Associação Crianças Desfavorecidas (Acrides), Lourença Tavares, disse à Inforpress que a campanha “Justiça Amiga da Criança”, lançada hoje, pretende uma maior sensibilização e consciencialização dos cabo-verdianos para a problemática da protecção das crianças.

Em declarações à Inforpress, Lourença Tavares apelou a uma maior sensibilização de todos os profissionais que fazem parte da rede de atendimento às crianças vítimas de violência sexual, no sentido de desempenharem com “zelo e dedicação” o seu papel perante uma criança que sofreu tais agressões.

O acto do lançamento da campanha “Justiça Amiga da Criança” acontece esta sexta-feira, 09, na sede da empresa de transporte público Sol Atlântico que disponibilizou três linhas de autocarro, na Praia, para a colocação dos cartazes da referida iniciativa, com o objectivo, segundo a presidente da Acrides, de envolver os cabo-verdianos a nível nacional na tomada de consciência para esta problemática.

À sociedade, Lourença Tavares exigiu mais protecção e amor às crianças e defendeu a necessidade da criação de programas de televisivos e radiofónicos para ajudar na educação das famílias das vítimas.

Relativamente ao Tribunal “a última instituição que pega o processo”, Tavares pede “uma justiça mais adequada e amiga da criança” de forma a diminuir a liberdade do agressor e a dor dos familiares.

A mesma fonte aproveita o lema “construindo um mundo mais justo e saudável”, do Dia Mundial da Saúde, assinalada no dia 07, para chamar atenção da sociedade sobre a importância das crianças terem acesso a uma “infância feliz e saudável” para que, futuramente, sejam jovens com “boas práticas e valores” e, por conseguinte, ter “uma sociedade melhor”.

A Acrides – Associação Crianças Desfavorecidas, nos desígnios da sua função, tem como principal objectivo a defesa e promoção dos direitos e deveres da criança, assim como o reforço de parcerias para o trabalho em rede com o propósito de contribuir para uma maior eficácia e eficiência nas respostas sociais, que promovam o cumprimento dos direitos e a inclusão social de crianças e famílias mais vulneráveis.

CS/HF

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos