Acrides celebra festa do Natal com distribuição de cestas básicas e brinquedos  

Cidade da Praia, 23 Dez (Inforpress) – Cerca de 100 famílias e associações comunitárias do bairro da Bela Vista e Tira Chapéu vão ser comtempladas com cestas básicas e brinquedos, numa iniciativa promovida pela Associação de Crianças Desfavorecidas (Acrides).

“Este ano a celebração do Natal não vai ser como nos anos anteriores, em que tínhamos actividades com crianças e animação de rua, mas iremos distribuir cestas básicas e brinquedos para as crianças”, referiu a presidente que considerou que, apesar das dificuldades provocadas pela pandemia da covid-19, têm feito o melhor com muita serenidade.

Lourença Tavares, que falava à Inforpress, considerou que 2020 foi um ano muito doloroso, de angústia, de incertezas, de muito medo e com pouca capacidade de poder intervir como foi solicitado e as famílias pobres tornaram-se mais pobres.

Apesar dos constrangimentos e dificuldades causados pelo novo coronavírus, assegurou que dentro das possibilidades da associação, vai ser possível contemplar cerca de 100 famílias e associações comunitárias com cestas básicas e oferecer brinquedos para as crianças.

Segundo aquela responsável, a iniciativa conta com a parceria da Igreja de Jesus Cristo dos Últimos Dias, CIC, associação Castanheirense de Portugal e outros parceiros.

Adiantou que foi possível também oferecer brinquedos à pediatria do Hospital Agostinho Neto na Praia, alguns jardins infantis na capital do país e associações no bairro da Boa Esperança na Boa Vista.

Perante a pandemia de covid-19, explicou que foram mais compreensíveis em relação aos parceiros nacionais que têm colaborado com a associação, porque é uma situação que afectou a todos, e por isso nada melhor como a serenidade e compreensão para continuarem a fazer realmente o melhor para aqueles que mais precisam.

“O ano 2020 não será um ano que iremos esquecer tão rapidamente, mas foi também um ano de muita aprendizagem sabendo que não somos nada, que temos que estar cada vez mais juntos e do pouco que temos, temos de fazer chegar aos que realmente necessitam”, frisou.

A Associação de Crianças Desfavorecidas é uma organização de direito privado, sem fins lucrativos, que se dedica à promoção e defesa dos direitos e deveres da criança e sua família e trabalha neste momento com cerca de 70 crianças.

A Acrides vem agindo através de projectos concretos em vários bairros periféricos na cidade da Praia como Bela Vista, Lém-Cachorro, Achada de São Filipe, Achada Grande Trás, Tira Chapéu, e indirectamente nas outras ilhas, através de parcerias locais.

AV/ZS

Inforpress/Fim

Facebook
Twitter
  • Galeria de Fotos