Doentes já estão a ser transportados em “segurança e conforto” pelos aviões da Binter – Transportadora

 

Cidade da Praia, 18 Jul (Inforpress) – Os doentes já estão ser transportados em “segurança e conforto” pelos aviões da Binter-Cabo Verde para receberem tratamento médico nos hospitais centrais do país.

“…Desde o dia 6 de Junho a Binter tem vindo a transportar vários doentes, provenientes de evacuações médicas, entre as ilhas de Cabo Verde, em máximas condições de segurança e conforto para os referidos doentes”, lê-se num comunicado de imprensa da novel transportadora aérea nacional.

Segundo o documento a que a Inforpress teve acesso, até ao momento, a Binter CV “já procedeu ao transporte de dez doentes evacuados com macas, tendo quatro desses doentes sido transportados em voos realizados em condições específicas (voos charters, a preço de custo e sem lucro), fora da programação regular da companhia”.

A título de exemplo, diz o comunicado, nesta segunda-feira, 17, aquela transportadora aérea realizou um voo charter para a ilha do Sal, para o transporte de um doente evacuado.

O comunicado de imprensa revela, ainda, que a Binter CV “tem efectuado desvios de determinados voos regulares para que houvesse a possibilidade de transporte de doentes evacuados em casos urgentes e com a maior brevidade possível”.

“A Binter Cabo Verde tem demonstrado constantemente a sua disponibilidade e trabalhado em estreita relação, tanto com o Ministério de Saúde como com o INPS (Instituto Nacional de Previdência Social), para efectuar o transporte de doentes evacuados urgentes, desde que sejam salvaguardadas todas as condições de segurança”, afirma o comunicado, acrescentando que às vezes o transporte dos doentes evacuados não é de imediato “devido ao facto de quatro dos sete aeroportos de Cabo Verde não possuírem pistas iluminadas”.

“Tendo em conta a alta responsabilidade social que a Binter Cabo Verde tem por ser uma transportadora aérea doméstica, a empresa não vai deixar de ajudar e apoiar o governo e as instituições do país em tudo o que está ao seu alcance, para continuar a fazer o transporte de doentes evacuados com urgência e com a máxima segurança e conforto”, conclui o comunicado.

LC/CP

Inforpress/Fim

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
  • Galeria de Fotos